Seguidores

quarta-feira, 16 de janeiro de 2008

Rotina





Da janela
Vejo o sol
Mais um dia sem você
Os passos na rua não são os teus
Na mesa do café teu lugar está vazio
Descobri que os sonhos eram apenas meus
E mais um dia caminharei pelas ruas
Como se a buscar teus olhos no acaso
E mais uma vez,

não te encontrarei na multidão
e o sol partirá
Então da janela... Olharei a lua
Mais uma noite sem você.

(Sirlei L. Passolongo)

Direitos Reservados a Autora

7 comentários:

Astrid disse...

Sirlei,
Obrigada pela visita e carinho.
Querida sou sua fã, adoro suas poesias.
Vc também tem belos blogs, parabéns!
Tenha um lindo e abençoado final de semana
Bjs
Astrid

osmir disse...

Olá Sirlei presciso falar com voçe sobre o Aceu, favor me procure.
Osmir

Alma de Poesia disse...

Lindo! Como sempre... profundamente poético. Bjus poetisa.

hostfree disse...

INTENÇÕES

Sem pretenções
gostaria de te ver
sentir sua pele
tocar seu pecíolo
e com a penca ornamentar
sua cama e com meus dedos
faceiro te acariciar.

Sem falar dos beijos
Loucos e susurros te
excitar e sem pretenções
entrar na sua alma em
passos de riscos.


Poesia
Emanuel Carvalho

Basilina disse...

Sirlei, gosto muito de suas poesias porque elas respiram sentimento e este jorra com a força de uma cachoeira. E ,de poema em poema, a gente vai conhecendo uma pessoa sensível,engajada, que faz a diferença. Parabéns amiga por seu trabalho importante para todos nós.

Basilina disse...

Sirlei, gosto muito de suas poesias porque elas respiram sentimento e este jorra com a força de uma cachoeira. E ,de poema em poema, a gente vai conhecendo uma pessoa sensível,engajada, que faz a diferença. Parabéns amiga por seu trabalho importante para todos nós.

Hildebrando disse...

Querida poeta Sirlei, gosto de sua poesia. Você escreve seus poemas com bonitas imagens poéticas e cenas de amor. Parabéns. Hildebrando Pafundi, escritor - hpafundi@ig.com.br